Novo sistema do Twitter permite censurar tuítes por países

O Twitter anunciou, ontem, que incorporou um novo algoritmo o qual permite censurar certos conteúdos em determinados países. Antes, a única forma de omitir um assunto era excluí-lo de todo o site.

O recurso é uma faca de dois gumes e seu sucesso dependerá do bom senso dos reguladores da empresa.

“À medida que continuamos a crescer internacionalmente, entramos em países que possuem idéias diferentes sobre iberdade de expressão. Alguns possuem princípios tão diferentes dos nossos que não somos capazes de operar por lá. Outros são semelhantes, mas, por razões históricas ou culturais, restringem determinados tipos de conteúdo, como a França e a Alemanha, que proíbem mensagens de apoio ao nazismo”, explicou a empresa, por meio de seu blog.

Segundo o Twitter, como forma de manter a transparência do serviço, os usuários saberão quanto certo tuíte foi censurado. Uma outra mensagem informará o autor do texto e o país o qual ele não está disponível.

Os pedidos de censura também poderão ser acompanhados em uma página especial. Por enquanto, o recurso ainda não foi utilizado.

Veja também:  –  

Anúncios

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: